31/08/2017 17h49 - Atualizado em 31/08/2017 17h49

Energisa e Policia Civil combate furto de energia elétrica em São Gabriel do Oeste

Victor Currales

Imagens: Victor Currales

A Energisa, concessionária que fornece energia elétrica para o município de São Gabriel do Oeste-MS, com apoio da Polícia Civil e Peritos Criminal, deflagraram uma operação de combate ao furto de energia na manhã desta quinta-feira (31/08) elétrico no município.

 

Segundo informações da assessoria de comunicação da concessionária, a Energisa utiliza como base, as informações do seu sistema inteligente de combate a perdas para mapear os casos com alterações no comportamento de consumo. A operação aconteceu no centro da cidade, envolveu 20 equipes da distribuidora e contou com o apoio da Polícia Civil.

 

Técnicos da distribuidora percorreram 14 unidades consumidoras, entre residências e estabelecimentos comerciais a fim de periciar os locais suspeitos de fraude e de acordo com o setor de Recuperação de Energia da empresa, mais de 60 pontos da cidade estão mapeados e serão vistoriados para constatação.

 

A operação contou com grande aparato logístico e cerca de 60 pessoas da concessionária, policiais civis e peritos participam dela, proprietários ou responsáveis de algumas das unidades consumidoras foram conduzidas para prestarem esclarecimentos à Delegacia de Polícia Civil do município que está coordenando as investigações.

 

A concessionária atua em todo o estado no combate a furtos de energia, uma obrigação regulatória determinada pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). 

 

Além de ser crime e gerar impacto nas tarifas de clientes regulares, as ligações clandestinas oferecem riscos à população já que podem ocasionar acidentes com choques elétricos, curtos-circuitos e incêndios, sobrecarregam e comprometem a confiabilidade da rede de distribuição de energia.

 

A nossa reportagem, o Delegado titular da Polícia Civil de São Gabriel do Oeste, Dr. Fabio da Silva Magalhães informou que foram conduzidas até a Delegacia de Polícia, 07 pessoas para registro do Boletim de Ocorrência e instauração dos respectivos inquéritos policiais para apuração dos fatos.

 

 

Foram também apreendidos 03 relógios medidores, que serão encaminhados ao Instituto de Criminalística para exame mais detalhado visando a confirmação ou não das suspeitas de fraudes.

“Houve também alguns casos verificados em residências alugadas ou recém ocupadas que, embora houvessem indícios de fraude, pairam dúvidas a respeito da autoria, motivo pela qual não lavramos o APF”, concluiu o delgado Fábio Magalhães.

 

As equipes da Energisa continuarão realizando fiscalizações no decorrer do dia e amanhã (01/09), caso haja outros novos casos suspeitos de furto de energia, novos inquéritos serão instaurados. A prática do crime de furto de energia tem pena prevista de reclusão de 1 a 4, anos segundo a Lei.

 

Nossa reportagem tentou ouvir alguma das pessoas que estiveram prestando depoimento sobre o ocorrido, mas nenhuma delas quiseram manifestar-se, direito que respeitamos.  

 

 


Média: Energisa e Policia Civil combate furto de energia elétrica em São Gabriel do Oeste     5,0 estrelas      
Vote nesta matéria


Leia mais notícias de Policial

0 Comentários