04/04/2016 08h41

Cassems inicia campanha de vacinação contra H1N1 na próxima terça-feira

O objetivo da campanha é reduzir as complicações e as internações que ocorrem em consequência das infecções causadas pelo vírus da influenza nos servidores públicos e seus familiares.

Assessoria de Comunicação Cassems

Imagens: Divulgação

A Caixa de Assistência dos Servidores do Estado de Mato Grosso do Sul (Cassems) inicia na próxima terça-feira (05), a campanha de imunização contra gripe H1N1 de 2016. A campanha, que não será prorrogada, acontece pelo quarto ano consecutivo e se estende até o dia 20 de abril e o custo será de R$ 50,00. A Cassems realizou o pré-agendamento para a campanha junto aos seus beneficiários entre os dias 15 de dezembro do ano passado e 28 de março deste ano.

 

 

O objetivo da campanha é reduzir as complicações e as internações que ocorrem em consequência das infecções causadas pelo vírus da influenza nos servidores públicos e seus familiares. Em Campo Grande, a imunização acontecerá no Centro de Prevenção, já no interior, será realizada nas Unidades Cassems. No ato da vacinação é necessário que o beneficiário leve a sua carteira de vacinação.

 

 

A vacina oferecida pela Cassems é a Fluarix Tetra, a tetravalente/quadrivalente, fabricada pelo laboratório norte-americano GSK. De acordo com a diretoria de Assistência à Saúde, Maria Auxiliadora Budib, a diferença entre as vacinas trivalente e tetravalente é a quantidade de vírus imunizados, mas, ambas, protegem contra a H1N1.

 

 

“São versões diferentes, a trivalente imuniza contra três tipos de vírus, já a quadrivalente/tetravalente imuniza contra quatro tipos de vírus. Em ambos os casos, está inclusa a imunização contra o H1N1, que é um vírus influenza do tipo A. No entanto, a vacina quadrivalente, além de imunizar contra os três vírus da trivalente, também protege contra um vírus influenza do tipo B. A vacina oferecida pela Cassems é versão 2016 e que tem a maior e melhor cobertura”, explica a diretora.

 

 

 

Na rede pública, ainda não está disponível a versão 2016 e Ministério da Saúde anunciou para fim de abril a campanha e apenas com a vacina trivalente. No SUS, a vacinação estará disponível apenas para crianças menores que 3 anos, gestantes, idosos e pacientes com doenças crônicas ( diabetes, asma, hipertensão), e não atende todas as faixas etárias.

 

 

A diretora explica que a proteção da vacina não acontece imediatamente, pois existe um tempo para que produza anticorpos. “A imunização não é imediata. Depois de tomar qualquer uma das duas vacinas, a pessoa só estará protegida contra a gripe após um período de 3 a 4 semanas, que é o tempo necessário para a produção de anticorpos contra a doença. O importante é ser imunizado o quanto antes, porque o vírus este ano já está circulando bem mais cedo do que se esperava. Não podemos esquecer alguns conselhos básicos que são evitar ambientes fechados, lavar as mãos sempre que for se alimentar e hidratar-se adequadamente.”, afirma Budib.

 

 

Ainda segundo a diretora, a vacina para o beneficiário saíra a preço de custo. “A dose da vacina custará para o beneficiário Cassems R$50,00, que é o valor do custo operacional, sem lucro para a empresa. Nas clínicas particulares a dose custa R$ 110,00”, finaliza Budib.

 

 

Serviço: A campanha de vacinação contra gripe acontece entre os dias 04 e 20 de abril. Mais informações na Central de Atendimento, pelo telefone(67) 3314-1010. 


Média: Cassems inicia campanha de vacinação contra H1N1 na próxima terça-feira     5,0 estrelas      
Vote nesta matéria


Leia mais notícias de Saúde

0 Comentários