Agosto Lilás: Prefeitura realiza Blitz de encerramento da Campanha

| VICTOR CURRALES


Parte da equipe da prefeitura ue participaram do ato - Foto: Arquivo municipal

A Prefeitura de São Gabriel do Oeste, por meio da Secretaria de Assistência Social e apoio da Polícia Militar e da Coordenadoria de Políticas Públicas para a Mulher, Igualdade Racial, Direitos Humanos e Juventude, realizaram juntamente com profissionais da rede socioassistencial (CRAS e CREAS), uma blitz educativa sobre a conscientização e combate à violência contra a mulher. A ação, realizada na avenida Getúlio Vargas na última sexta-feira, fechou a Campanha Agosto Lilás no município.

Além da panfletagem na avenida, a coordenadoria e parceiros realizaram uma série de visitas em escolas, órgãos públicos, entidades e empresas do município durante todo o mês de agosto. “Neste ano reforçamos a divulgação da Lei Maria da Penha e das questões que trabalham a importância de denunciar a violência e os casos de abuso contra a mulher. 2020 foi um ano difícil, marcado por restrições e isolamento social, agravando o número de casos registrados de abusos e agressões, não só contra o público feminino”, disse Rosane Moccelin, secretária de Assistência Social, ao apontar o número de crimes sexuais.

Com o tema “Quebre o Silêncio”, a mobilização também contou com palestras que fizeram parte das oficinas oferecidas nos grupos de gestantes e de mulheres atendidas pela rede socioassistencial e de saúde. “Queremos que as mulheres saibam que há toda uma rede de apoio, que pode auxiliar nas denúncias e no acompanhamento dos casos. Aqui em São Gabriel temos a Sala Lilás, que é um lugar de amparo e acolhimento e que dá esse suporte contra a violência; além da Sala, há toda uma equipe multidisciplinar na Assistência que também pode prestar esse serviço de apoio e ajudar quem está passando por uma situação difícil”, comentou a secretária.

“Apesar do mês de agosto estar chegando ao fim, o nosso trabalho continua. Caso você presencie qualquer agressão contra uma mulher, não se omita, ligue imediatamente para o 190 e faça a sua denúncia. Além da delegacia, o caso também pode ser registrado na Central de Atendimento à Mulher, no número 180 ou ainda, você pode entrar em contato com Secretaria de Assistência Social no 3295-4177”, finalizou Rosane.

 

Fonte: Assessoria de comunicação da PMSGO


Apoie o jornalismo independente.

É fundamental para São Gabriel do Oeste, para a região e todo o Mato Grosso do Sul.

Assine o Gabrielense e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Você irá receber também o nosso exemplar impresso com todas as notícias da cidade.

Um grande time de jornalistas, dando voz a sociedade em reportagens e vídeos com matérias de conteúdo próprio.

Entre em contado conosco e escolha o melhor pacote para você e sua empresa.

E-mail: victorcurrales@gmail.com

Telefone: (67) 9.9887-3066